4 benefícios da contratação temporária para as vendas de fim de ano
outubro 15, 2018
Confira 3 melhores práticas para vender mais no fim de ano
novembro 1, 2018
Exibir tudo

Todo empreendedor deve ter um bom mix de produtos na sua empresa. Afinal, os clientes não procuram somente por uma determinada mercadoria ou outra. É preciso ter uma boa gama de opções para que, assim, ele defina qual deseja comprar.

Pensando nisso, desenvolvemos este artigo para ajudá-lo na definição de um mix de produtos ideal para a sua loja. Desde dicas de entendimento de mercado até a análise do histórico de vendas. Então, não perca tempo e continue a leitura até o final. Vamos lá?

Observe o mercado

Essa dica é importantíssima. Isso decorre do fato de que a observação do mercado funciona praticamente como um termômetro do negócio. Ou seja, é possível compreender tendências de consumo e avaliar produtos que têm mais saída apenas pela observação do mercado.

Para colocar isso em prática o empreendedor deve ter em mente alguns pontos principais. Ele deve avaliar indicadores tanto do seu negócio como realizar pesquisas com concorrentes e outros empresários.

No entanto, isso não significa imitar outros comércios, mas observar a movimentação da concorrência. Uma alternativa interessante é adotar o benchmarking como estratégia competitiva. Esse conceito diz respeito à equiparação dos indicadores operacionais, procurando aumentar a eficiência.

É possível analisar o posicionamento do comércio em comparação com outras empresas. Isso contribui para a verificação de que pontos podem ser otimizados e quais devem ser revistos para que haja um crescimento.

O mercado é uma fonte riquíssima de dados e informações para montar um mix de produtos estratégico. Foque nisso!

Analise o seu histórico de vendas

Como conseguir compreender qual o melhor mix de produtos e, principalmente, quais são as mercadorias que têm mais representatividade no faturamento? Essa pergunta pode ser respondida pela análise criteriosa e objetiva do histórico de vendas.

Ele mostra um padrão mensal do que foi vendido e qual a receita obtida. De posse dessas informações, o empreendedor pode tomar atitudes mais estratégicas a fim de maximizar as oportunidades.

Não se pode esquecer que existem muitos comércios que sofrem com o problema da sazonalidade, em que algumas vendas concentram-se em determinados meses do ano. Analisando o histórico de vendas, novos produtos podem ser acrescentados à gama de ofertas da empresa.

As sorveterias, por exemplo, podem passar a oferecer bebidas quentes no inverno. Isso ajudaria na manutenção das vendas em um período em que há uma redução na procura pelos sorvetes. Pense nisso!

Realize testes

Quer trabalhar com novos produtos, mas ainda têm dúvidas se a sua ideia pode satisfazer a clientela? Então, faça testes! Essa prática é importante para comprovar se a estratégia é mesmo válida, sem deixar de se prevenir.

É preciso definir um prazo razoável de testes (alguns meses) e verificar os resultados. Nesse ponto, o empreendedor, de posse dos dados e resultados, pode validar as novas atualizações no seu mix de produtos.

Ter um mix de produtos diverso e bem alinhado à proposta da empresa pode gerar bons frutos. O ponto inicial é verificar a demanda e as necessidades dos consumidores. A partir daí, inicia-se a criação de estratégias para ter boas ofertas.

Gostou do artigo? Então, curta nossa página no Facebook para ficar por dentro de todos os conteúdos do nosso blog e até a próxima!

Os comentários estão encerrados.